17 de maio de 2021

Confira os resultados do Shooto realizado Domingo no Japão


Apesar do prolongamento do estado de emergência na capital do Japão, o Shooto produziu um show com a presença de público que pode prestigiar o evento ‘ao vivo’ no ginásio naquele domingo, ( 16 de maio de 2021 ). A edição que teve lugar no Korakuen Hall, em Tóquio, reuniu a velha e a nova geração do MMA que convergiram no ‘card’ deste Shooto 2021 Volume 3.

O ‘main event’ ( ou “evento principal” ) da programação foi uma luta entre o prodígio Yamato Nishikawa, de 18 anos, que finalizou Nobumitsu Osawa, ex-campeão dos meio-médios do Shooto, em um confronto de tirar o fôlego.

A luta teve início com Osawa acertando alguns chutes em Nishikawa. O adolescente pressionou para frente buscando acalmar a luta até que resolveu puxar para a guarda. Foi então que Osawa - também um veterano do Rizin FF - fez uso do ‘ground and pound’ enquanto seu oponente procurava finalizar com um triângulo.

A finalização com o famigerado golpe viria, porém, já no segundo round, quando Nishikawa - após atacar com os cotovelos - “encaixou” o triângulo e fazendo com que o oponente batesse, faltando sete segundos para o final do round.

A vitória foi a nona consecutiva de Nishikawa que ampliou seu ‘recorde’ para 14-3-5. Já Osawa, por sua vez, cai para 13-6.

Já no ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) vimos o pioneiro do MMA japonês Caol Uno ( 34-21-5 ) - que comemorava 25 anos como lutador - em um “confronto de gerações” com Taison Naito ( 11-8 ), aluno do seu ex-adversário ( e também ex-professor ) Rumina Sato. 
O veterano de 46 anos acabou sendo derrotado por nocaute com um “gancho” de direita aos 4min e 59seg do segundo round.

Em outro “confronto de gerações” deste ‘card’, o invicto Yuto Uda ( 5-0 ) derrotou o ex-rei do Pancrase ( peso mosca ), Kiyotaka Shimizu ( 24-15 ), por decisão unânime dos juízes após três rounds.

Destaque para o duelo entre Yamato Hiranuma e Daisuke Murayama, que teve um significado histórico, ao menos para os japoneses. O primeiro é discípulo de Satoru Sayama ( fundador do evento Shooto, em 1985 ) e a luta marcava o retorno de um representante do Sayama Dojo ao Korakuen Hall, local sagrado onde foi realizada a primeira competição profissional do Shooto, em 18 de maio de 1989. 
Atualmente, o evento é de propriedade de Noboru Uruta.

Hiranuma, que em sua ilustre carreira no Judô acumula um histórico empate com Hifumi Abe - representante japonês das Olimpíadas de Tóquio - acabou vencendo Daisuke Murayama ( Master Japan Tokyo ) por decisão unânime dos juízes após dois rounds de luta.

Já entre as mulheres o destaque ficou para Megumi Sugimoto ( 6-3 ) que voltou à vencer, após perder para Seika Izawa, no DEEP Jewels, ( em março deste ano ), e também para Satomi Takano, no Shooto, ainda em novembro de 2020. A sua “ressurreição” se deu diante de Mikiko Hiyama.

No início do primeiro round, Sugimoto bateu em sua adversária repetidamente após uma queda. A vitória veio com um “mata-leão” passados 1min e 31seg do período inicial. Hiyama ainda não conheceu a vitória no MMA. Essa foi a oitava derrota de sua carreira.

O ‘card’ do Shooto 2021 Volume 3 teve quatro lutas femininas e sete desafios masculinos. 

Confira os resultados do “Shooto 2021 Volume 3” que incluem :

Shooto 2021 Volume 3
16 de Maio de 2021
Korakuen Hall
Bunkyo, Tóquio, Japão

Yamato Nishikawa venceu Nobumitsu Osawa por finalização ( triângulo ) aos 4:53 do primeiro round
Taison Naito venceu Caol Uno por “KO” ( soco ) aos 4:59 do segundo round 
Yuto Uda venceu Kiyotaka Shimizu por decisão unânime
Kenji Kato venceu Kaito Sakamaki por “TKO” ( socos ) aos 4:43 do terceiro round 
Hayato Ishii x Yasuyuki Nojiri terminou em empate ( unânime )
Kota Onojima venceu Takahiro Ichijo por decisão unânime
Yamato Hiranuma venceu Daisuke Murayama por decisão unânime
Megumi Sugimoto derrotou Mikiko Hiyama por finalização ( “mata-leão” ) aos 1:31 do primeiro round 
Miku Nakamura venceu Kyu Kitano por “TKO”  ( paralisação ) aos 3:07 do segundo round 
Yuki Onoyuki vs. Chihiro Sawada terminou em empate ( unânime )
Norika Ryu venceu Momoka Hoshuyama “TKO”   ( socos ) aos 1:47 do segundo round 

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 17/05/2021
_
Legenda : Megumi Sugimoto voltou à vencer em um ‘card’ marcado por “confrontos de gerações”.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Professional Shooto Japan | ( C ) Japan Shooto Association | ( C ) Sustain | ( C ) AbemaTV ).

Legenda : Megumi Sugimoto finalizando a sua adversária com um “mata-leão”.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Professional Shooto Japan | ( C ) Japan Shooto Association | ( C ) Sustain | ( C ) AbemaTV ).